acesso gratis

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://joaosezures.blogs.sapo.pt

<div align=center><a href='https://contador.s12.com.br'><img src='https://contador.s12.com.br/img-103A7b0BAyba481z-24.gif' border='0' alt='acesso gratis'></a><script type='text/javascript'

http://joaosezures.blogs.sapo.pt

<div align=center><a href='https://contador.s12.com.br'><img src='https://contador.s12.com.br/img-103A7b0BAyba481z-24.gif' border='0' alt='acesso gratis'></a><script type='text/javascript'

14
Dez14

Por terras de Portugal

Alegria

 

 

Monumento ao Grande Bandarra 2.JPG

 Sente Bandarra as maldades do mundo e particularmente as de Portugal

 

              PASTOR-MOR

                LX
   Quem mete ao estrangeiro
Cá no meuu nobre assento,
Pois o defendi primeiro,
Pois que do meu vencimento
Lhe pesa mui por inteiro?
 
     ESTRANGEIRO
          LXI
 
Em que vos hei ofendido
E de mim sois anojado?
          
        LXII
É porque lhe ei requerido,
Mil vezes cometido,
E tu sempre desmandado;
E porque estás abraçado
Com os meus competidores,
E com eles aliado,
Não mereces ter montado
Com estes nobres pastores.
        
         LXIII
          
Tu me hás sido revel
Contra os meus ovelheiros,
Abraçado com Babel
Mui descrido e cruel,
Contra os meus pegureiros,
Minhas ovelhas, carneiros,
Não lhes tinhas lealdade
Degolavas meus cordeiros,
Derrubavas meus chiqueiros,
Negavas-me a verdade.
         ANDRÉ
          LXIV
Ide-vos, Pastor, mui embora,
Grande mercê nos fareis,
Que vos vades logo essa hora,
E depois que fordes fora,
Alguma razão tereis.
         JOÃO
           LXV
 
Para aqui vos saireis,
Mentes o Pastor dá a volta,
Que depois não podereis
E quiçais nos metereis
Nalguma grande revolta.
        FERNANDO
           LXVI
 
Não te queiras mais deter
Busca jogos e harmonias,
Por onde tomes alegrias
Antes que hajam de volver.
Oh! Senhor, tomei prazer
Que o grão Porco selvagem
Se vem já de seu querer,
Meter em vosso poder
Com seus portos, se passagem.
          LXVII
 
Em os campos de Tropé
Vossa frauta tangereis
E nas terras de Tomé
E nas terras de Tomé,
Todos nelas bailareis,
Com os filhos de Ulisse,
Que gostam nosso tanger.
Nenhum porco roncará,
Nenhum lobo uivará
Senão por vosso querer.
        LXVIII
 
Forte nome é Portugal,
Um nome tão excelente,
É rei do cabo poente,
Sobre todos principal.
Não se acha vosso igual
Rei de tal merecimento:
Não se acha, segundo sento,
Do Poente ao Oriental.
         LXIX
 
Portugal é nome inteiro,
Nome de macho, se queres:
Os outros Reinos mulheres,
Com ferro sem azeiro;
E senão olha primeiro,
Portugal tem a fronteira,
Todos mudam a carreira
Com medo do seu rafeiro.
         LXX
 
Portugal tem a bandeira
Com cinco Quinas no meio,
E segundo vejo e creio,
Este é a cabeceira
E porá sua cimeira,
Que em Calvário lhe foi dada,
E será Rei de manada
Que vem de longa carreira. (Continua)
 
 

    

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Favoritos

Links

  •  
  • Arquivo

      1. 2021
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2020
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2019
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2018
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2017
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2016
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2015
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2014
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2013
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2012
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2011
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2010
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2009
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2008
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2007
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2006
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D