Segunda-feira, 5 de Junho de 2017
Momento de Poesia

Noite de Amores

 

Mimosa noite de amores,

Mimoso leito de flores,

Mimosos, languidos ais!

Vergontea débil ainda,

Tremia! Lua tão linda,

Lembra-me ainda... Jamais!

    Aquela dhalia mimosa,

Aquele botão de rosa

Dos lábios dela... Senhor!

Murchavam; mas, como a lua,

Passava a nuvem: "Sou tua"!

Reverdeciam de amor!

 

    E aquella estatua de neve

Como é que o fogo conteve

Que não a vi descoalhar?

Ondas de fogo, uma a uma,

N´aquele peito de espuma

Eram as ondas do mar!

 

   Como os seus olhos me olhavam,

Como nos meus se apagavam,

E, se acendiam depois!

Como é que ali confundidas

Se não trocaram as vidas

E os corações de nós dois!

 

    Mimosa noite de amores,

Mimoso leito de flores,

Mimosos languidos ais!

Vergontea debil ainda,

GTremia! Lua tão linda,

Lembra-me ainda.. Jamais!

 

Texto extraido do livro "Campo de Flores" de João de Deus

 

  

publicado por Alegria às 21:13
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Maio de 2017
Momento de Poesia

Nem tu, ó alcoólico Licor dos lagares, Terás meus cantares, Meus hinos terás. Embora das ânforas Vazado nas taças, A...

Ler artigo
publicado por Alegria às 20:21
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 4 de Maio de 2017
Momento de Poesia

No centro de círculos E nuvens de fumo, Um deus me presumo, Um deus sobre o altar. Nem doutros turíbulos Me a...

Ler artigo
publicado por Alegria às 21:12
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 3 de Maio de 2017
Momento de Poesia

Melancholia Oh doce luz, oh lua! Que luz suave a tua, E como me insinua Em alma que fluctua De engano em desengano! ...

Ler artigo
publicado por Alegria às 21:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 26 de Abril de 2017
Momento de Poesia

Casto Lírio Meu casto lírio, Terno delírio, Glória e martyrio Do meu amor! Amo-te como A haste do gomo, O lábio o pomo...

Ler artigo
publicado por Alegria às 20:43
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 25 de Abril de 2017
Momento de Poesia

Sympatia Olhas-me tu Constantemente: D´ahi concluo Que essa alma sente; Que ama; não zomba Como é vulgar; Que é uma p...

Ler artigo
publicado por Alegria às 20:41
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 19 de Abril de 2017
Momento de Poesia

Amor Não vês como eu sigo Teus passos, não vês? O cão do mendigo Não é mais amigo Do dono talvez! Ao pé de uma fonte N...

Ler artigo
publicado por Alegria às 21:10
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Junho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
.posts recentes

. Momento de Poesia

. Momento de Poesia

. Momento de Poesia

. Momento de Poesia

. Momento de Poesia

. Momento de Poesia

. Momento de Poesia

. Momento de Poesia

. As más companhias

. O Fontanário

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Dezembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Março 2014

. Janeiro 2010

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.favoritos

. Momento de Poesia

.links
contador de visitas gratis
Contador de Visitas
blogs SAPO
.subscrever feeds